Ver todas as notícias

12_10_2020__0_19_11_2019__0_28_10_2019__0_Peça Nova - canais para denunciar.jpg - uploaded/imgs/noticias/12_10_2020__0_19_11_2019__0_28_10_2019__0_Peça Nova - canais para denunciar.jpg - Policiais Civis com informações do Disque Denúncia prendem homem acusado de matar o companheiro da ex-mulher


Policiais Civis com informações do Disque Denúncia prendem homem acusado de matar o companheiro da ex-mulher

12/10/2020



Policiais Civis da 35ª DP (Campo Grande), após informações repassadas pelo Disque Denuncia, prenderam na Rua Renato Vasconcelos, em Sepetiba, Zona Oeste do Rio, o foragido da Justiça Willian Hermes de Souza,de  38 anos.

Segundo a Polícia, ele é acusado de assassinar Paulo Cesar dos Santos Cruz, companheiro de sua ex-mulher, em fevereiro deste ano (2020.

Consta dos autos que o acusado, acompanhado do enteado, teria invadido a casa da vítima, durante a madrugada, e ambos desferiram diversos golpes de faca e pauladas contra a vítima.  Willian só parou as agressões quando percebeu que Paulo Cesar estava morto. Ainda de acordo com os autos, Willian não aceitava o fim do relacionamento com a ex-mulher, razão pela qual já a havia agredido em outras oportunidades anteriores, gerando, inclusive, a decretação de medidas protetivas em favor dela.  

Contra Willian Hermes de Souza, constava um mandado de prisão, expedido pela 2ª vara criminal da capital, pelo crime de homicídio qualificado.

O Portal dos Procurados oferecia uma recompensa de R$ 1 mil reais por sua captura.

 


 

Quem tiver qualquer informação sobre a localização de Foragidos, favor denunciar pelos seguintes canais: WhatsApp Portal dos Procurados (21) 98849-6099; mesa de atendimento do Disque Denúncia (21) 2253-1177 e  0300-253-1177 (interior); ou em nosso aplicativo para celular "Disque Denúncia RJ ".

O Anonimato é Garantido.



Ver todas as notícias

© 2015 Disque Denúncia Rio todos os direitos reservados. Criação e desenvolvimento por ASCOM DD Rio.

O Disque Denúncia é uma parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública com a sociedade civil do Rio de Janeiro.